Ao utilizar este site consideramos que aceita a utilização de cookies.

CIGeoE participa na reunião plenária da DGWIG/MGCP/TREx na Croácia

Maio 2019

Durante o período de 06 a 10 de maio de 2019, decorreram na cidade de Zadar, Croácia, as reuniões multinacionais dos Grupos Plenários do Defence Geospatial Information Working Group (DGIWG), do Tandem-High Resolution Elevation Data Exchange Program (TREx) e do Multinational Geoespatial Co-prodution Program (MGCP), organizadas pela Military Geoinformation Systems and Meteorology Division do Ministério da Defesa da Croácia.
Na reunião do grupo DGIWG participaram 38 delegados de 24 Nações, na do grupo MGCP participaram 60 delegados de 27 Nações e na do grupo TREx participaram 45 delegados de 24 Nações. Portugal fez-se representar nas referidas reuniões por dois Oficiais. 
O DGIWG é um grupo de trabalho que integra diversos países, com a responsabilidade de produzir especificações técnicas relativas à normalização da produção e utilização de informação geoespacial nas aplicações essencialmente militares.
O projeto TREx tem como finalidade a produção de um Modelo Digital de Superfície (MDS) global, com base em aquisição de informação por sensores radar e com uma resolução geométrica de 12 metros. Portugal foi a sétima nação a assinar o memorando de entendimento e a segunda a ser certificada.
O projeto MGCP, onde Portugal participa desde 2006, consiste na produção de informação geográfica a duas dimensões de áreas de interesse estratégico. A aquisição é realizada em Sistemas de Informação Geográficos (SIG), com uma exatidão posicional, pormenor e rigor geométrico que permitam a produção de mapas à escala 1:50 000 e 1:100 000.
Neste reunião em particular, o Chairman do TREx solicitou a Portugal que efetuasse uma apresentação sobre a forma como o programa é gerido, tendo o Major Pedro Dias efetuado esta apresentação, dignificando assim o CIGeoE e o Exército.
A participação nestas reuniões é de crucial importância para a afirmação internacional de Portugal como parceiro produtor de informação geoespacial e, simultaneamente, para que a sua produção nacional acompanhe a evolução técnica e os requisitos exigidos pelos grupos de trabalho de coprodução onde se insere.

Outras notícias
  • 2019-08-07
  • 2019-05-08
  • 2019-05-06