Ao utilizar este site consideramos que aceita a utilização de cookies.

CIGeoE retoma diálogo com o Centro homólogo do Exército Espanhol sobre assuntos da fronteira terrestre entre os dois países

Julho 2020

No âmbito da Comissão Internacional de Limites do Ministério dos Negócios Estrangeiros realizou-se, em 1 de julho de 2020, a reunião de avaliação da campanha de 2019 e de preparação da campanha de 2020 de manutenção dos marcos da fronteira Luso-Espanhola.
Esta reunião esteve planeada para decorrer em 24 e 25 de março nas instalações do CIGeoE. Dada a situação pandémica vivida em Portugal e Espanha foi cancelada. Com o inicio do desconfinamento nos dois países, o CIGeoE e o seu congénere, o Centro Geográfico del Ejército de Tierra (CEGET) acordaram realizar esta reunião em modo de videoconferência.
As delegações de Portugal e Espanha, chefiadas pelos respetivos Diretores, reuniram-se para efetuarem um balanço das ocorrências detetadas durante a campanha realizada em 2019 e para prepararam a campanha de 2020.
Em 2019, os trabalhos de verificação do estado dos marcos que definem a fronteira entre os dois Países, abrangeram o troço da fronteira compreendido entre o marco 121 E (região de Montalegre) e o marco 350 (região a norte de Vinhais), tendo sido verificados 907 marcos (cerca de 1/6 dos marcos existentes). Para 2020 está planeado que os trabalhos decorram entre o marco 350 A e o marco 494 C BIS (região de Barca d’Alva), num total de 909 marcos, numa extensão de aproximadamente 250km.
Estes trabalhos de campo são efetuados por uma equipa técnica mista que integra militares do CIGeoE e militares do CEGET.
De realçar o forte espírito de camaradagem e de colaboração institucional, bem como a franqueza e lealdade existente entre as delegações, contribuindo para um estreitamento das relações bilaterais entre ambos os Centros e os respetivos Exércitos, assim como o inegável contributo em prol da política externa do Estado.
Outras notícias
  • 2020-08-06